Tuesday, April 03, 2007

Jaburus e jacarés.



Na Casa do Artista em São Paulo tem sempre promoções boas!
Pena que na Casa Cruz aqui no Rio não tenha mais gente que entenda do que está vendendo. Você pergunta por um tipo de papel que tem lá e eles te olham como se você fosse um marciano.

4 comments:

Anonymous said...

que lindo esse desenho, Mariana!!!...
na época da faculdade, tinha um cara novinho, da Casa Cruz lá da cidade, que sabia tudo.
não sei se ela ainda está lá...
era um fera!

um beijo da Paula.
paula@bighost.com.br

naper271 said...

acontece com livrarias também... os da livraria cultura aqui de são paulo são muito bons; os da saraiva costumam ser péssimos.
p.s. fiquei sem passar aqui um tempão! saudades! roubei um monte de desenhos clicando com o mouse. já pensou em desenhar uma "cara de batata espetada"? acho que ia ficar fofo também, não sei como você consegue...! ;-)

Nanael Soubaim said...

Isso é em todo ligar, Mariana, em todo lugar. Os vendedores de automóveis não sabem explicar a diferença entre um 16v e um convencional.
Adorei a estampa, transmite um frescor muito bem-vindo, neste calor sufocante de Goiânia.

EDDE WAGNER said...

Estes desenhos tão lindos!
Sabe que um amigo meu, Wagner Zuri (www.wagnerzuri.blogspot.com) me convidou pra ir ao ateliê dele que um vendedor do Holbein -japonesa- ia estar lá vendendo materiais. Comprei pincéis a 6, 7 reais, grossos e aquarelas maravilhosas a 7,50. Pena que eu fui com pouco dinheiro! E o mais legal ainda foi ouvir as histórias do vendedor, de Aldemir Martins, um comprador compulsivo, das cores que ele mais gostava, etc.